13815198 1223045594375066 432382019 N

Como capturar abelhas sem ferrão?

Muitas pessoas se perguntam se podem se tornarem cuidadores de abelhas sem ferrão, e a resposta é SIM! Existem várias formas de obtenção de abelhas sem ferrão, mas a mais sustentável é a captura com ninhos armadilhas.
A captura com ninhos armadilha é uma técnica de captura bastante indicada para a captura das abelhas sem ferrão, e é permitida pela resolução CONAMA 346/2004.
Existem vários tipos de ninhos armadilha, alguns feitos com caixas racionais, outros com cabaças, mas a técnica que vamos apresentar aqui hoje utiliza garrafas PET.

Antes de falar sobre os  materiais necessários para a confecção das iscas PET, é importante explicar algumas coisas sobre o comportamento de nidificação das abelhas sem ferrão.
As abelhas sem ferrão fazem seus ninhos geralmente em ocos de árvores buracos no chão ou em ninhos externos construídos apoiados em na vegetação ou em rochas. Nas cidades, algumas espécies mais cosmopolitas conseguiram se adaptar a ocupar espaços em buracos de muros, caixas de força, caixas de correio, gavetas de churrasqueiras, entre outros espaços inusitados.
Estudos indicam, que os ocos naturais das árvores são o principal fator limitante para a nidificação (formação de um ninho) de abelhas sem ferrão. Dessa forma, a utilização dos ninhos armadilha além de não extrair um ninho já estabelecido na natureza fornece uma nova opção de local para a nidificação de uma colônia, durante o período de enxameação.
Mas e ai, como capturar abelhas sem ferrão?

Materiais:
Garrafas PET;

jornal;

plástico escuro, de preferência preto;

Etiquetas de identificação da isca (disponível aqui)

Própolis ou geoprópolis diluído em álcool;cera de abelhas

IMG_20160720_163220952

Opcionais

Ponteiras feitas com cabo de vassoura; ponteiras feitas com pedaços de mangueira; joelhos de PVC.

 

Etapa 1- Loção Atrativa

IMG_20160720_161431860_HDR
Coloque a própolis ou geopróplis de abelhas sem ferrão em um recipiente em que seja possível vedar e deixe curtindo no álcool por vários dias. Recomendamos pelo menos 10 dias.
Uma dica interessante é a de chacoalhar esse material por 2 minutos uma vez ao dia.
Recomendamos o uso de álcool de cereais para fazer a loção atrativa, embora qualquer álcool de alta concentração seja capaz de produzir efeitos similares.

IMG_20160720_161530840_HDR

Não recomendamos álcool automotivo, não por não funcionar, afinal funciona. Mas por ele ter uma infinidade de aditivos como metais pesados .

 

Etapa 2- Montando as iscas
1- Separe as garrafas PET, do tamanho que tiver.

IMG_20160720_163511726
No Brasil existem mais de 300 espécies de abelhas sem ferrão catalogadas, com diferentes tamanhos corporais e com diferentes tamanhos de população interna, portanto você pode usar garrafas pequenas e até galões como iscas. Espécies diferentes dependem de ocos de tamanhos diferentes para fazer os seus ninhos.

 

2- Despeje a loção atrativa dentro das garrafas de forma a lambuzar todas as paredes, o cheiro da loção irá atrair as abelhas que buscam um lugar pra fazer o seu ninho para a sua isca. E despeje o excedente de volta para o recipiente com atrativo, você irá precisar aproveitar tudo para fazer mais iscas.

IMG_20160720_163609178

 

3- Enrole a garrafa com jornal. Esse jornal irá dar conforto térmico para o enxame enquanto ele se estabelece.

IMG_20160720_163731286_HDR

4- Vede a garrafa já embrulhada no jornal com o plástico preto, que irá dar conforto óptico para o enxame, as abelhas vivem em ninhos escuros, então para simular essa escuridão o saco preto é excelente. Além disso você impermeabiliza a isca e evita que o jornal se molhe em uma chuva. Cole o plástico com fita adesiva para que ele não se solte.

IMG_20160720_163833935_HDR

5- Identifique as iscas com as etiquetas da SOS Abelhas sem Ferrão, para que ninguém mexa nas suas iscas. Muitas vezes elas são confundidas com lixo ou bombas caseiras, como já aconteceu no município de São Carlos -SP. Para baixar as nossas etiquetas de identificação de iscas basta clicar aqui.

Etiquetas

 

6- Deixe um furinho na tampa da garrafa para que as abelhas entrem.Existem técnicas que fazem a entrada da isca com pedaços de cabo de vassoura velho furado, ou com cotovelos de PVC. Essa técnica foi desenvolvida após a descoberta que as abelhas costumam fazer túneis na entrada com um tipo de “curva” ou “esquina” para que a luz não entre diretamente no ninho. A ideia do cabo de vassoura furado além disso simula uma entrada de madeira.
Muitos meliponicultores também colocam cera de abelha na entrada da isca, como forma de aumentar a atração. Muitas vezes as abelhas irão apenas roubar essa cera e ir embora, mas isso por si só já é um sinal de que a isca foi encontrada.IMG_20160720_164249396_HDR

 

7- Instale as iscas em locais arborizados, onde não tomem sol o dia todo nem chuva diretamente. Além disso fixe as iscas ou na horizontal, ou na vertical, nunca inclinadas, para não prejudicar a estrutura do ninho na transferência das iscas para uma caixa de criação racional.

13815198_1223045594375066_432382019_n

8- Borrife um pouco de atrativo no local onde você instalou a isca, como no tronco da árvore ou na parte externa da garrafa.

9- Marque a localização onde você instalou cada isca. Você irá precisar saber onde elas estão, então anote o local.

10- Faça visitas periódicas para saber se as iscas receberam enxameações.

11- A partir do dia em que você notar que o enxame se fixou na isca, conte de 45 a 60 dias e já poderá fazer a transferência para uma caixa racional. É importante que você leve a isca com a entrada tapada para o local (e que esse esteja a mais de 2KM de onde você capturou o enxame) quando chegar ao local, instale a isca no local onde irá ficar a caixa racional em definitivo e deixe pelo menos 1 semana antes de transferir.

12- Transferir o enxame para a caixa racional. Essa parte será estudada em uma outra matéria, até lá!

Celso Barbiéri

Mestrando em Sustentabilidade e Bacharel em Gestão Ambiental pela USP. Diretor técnico-científico da SOS Abelhas sem Ferrão. Atualmente pesquisando abelhas sem ferrão, meliponicultura e ecologia urbana. Interessado em divulgação científica e em mostrar para as pessoas que aprender pode ser divertido. Praticante de Karatê, entusiasta de literatura fantástica e ficção científica. Jogador competitivo de Pokémon e fã de animes e mangás nas horas vagas.
  • Conceição

    Há dias tento capturar um enxame de jatai que apareceu no meu jardim atraído pelo nectar no alimentador dos beija-flores. Comprei a caixinha e iscas atrativas e mesmo usando a loção atrativa elas parecem não se interessar. Chegam todos os dias de manhã e vão embora ao entardecer. Moro em um bairro razoavelmente arborizado mas não sei de onde elas vêm. Como devo proceder para ter sucesso na captura ?

    • Leonardo

      Tem que ter paciencia, instala as iscas e “esquece”, quando menos espera terá enxameacao na isca

  • Estou endereçado em criar abelhas sem ferrao , começando pela captura na natureza. Moro no semi-arido
    Baiano, especialmente região de Irece.

  • Quero muito ter abelhas na minha casa.fico grata ao receber

  • fran haylo

    Blz. Gostei moro em um condomínio em Caucaia Ce.
    Nao tenho os materias exatos, mais to tentando com unas adaptações. Vamos ver se dar certo. Se der aviso viu!

  • Jose Bonifacio

    coloquie em outubro apos quinze elas entraram então no final de dezembro 2016 retirei da pet. Au retirar notei que estava o jornal unido então continuei o processo e notei que a pet estava em volvida com mel e escoria pela entrada do ninho por que isto ocorreu.

  • Eloisa

    Minhas abelhas sem ferrão estavam agitadas várias para fora derepente saiu uma maiorezinha e todas seguiram ontem ; mas agora as que ficaram estão de novo para fora ( várias ) e algumas trabalhandoe outras levando cera embora o que pode estar acontecendo ?

  • Tânia Galvani

    Boa tarde, gostaria de saber como proteger as abelhinhas sem ferrão, no meu quintal tenho duas colmeias, uma fica na parte da frente da casa no chão e a outra fica no fundo da casa , no muro que temos no quintal , em uma fenda do muro, eu gostaria de ser guardiã dessa abelhas que polinizam as orquídeas, os dois pés de jabuticabas , pinhas, limoeiro que temos aqui.

    • Celso Barbiéri

      Olá Tânia, tudo bem? Se essas abelhas estão já instaladas, basta deixa-las onde estão e mante-las em segurança.
      Para capturar suas enxameações basta seguir o tutorial e ter um pouco de sorte!

  • Jucicleudo

    Gostaria muito de ter um enxame de abelhas na ninha casa, sera que vcs nao teriam como conseguir um pouco de loção pra que eu possa fazer uma isca pet e capturar um enxame, ficarei muito grato.

  • Se vcs puderem conseguir a loçó pra mim pode mandar no endereço que vou deixar.
    Cidade: Gov. Valadares – MG
    Bairro: Altinopolis
    Rua Flamboyants, 53
    Des de ja muito obrigado!

  • Paulo

    Olá
    Onde encontro a propolis de abelhas sem ferrão?
    Visitam meu jardim ao menos 3 tipos diferentes.
    Muito obrigado

  • Andre Luiz Biaggio

    Muito bacana. Coloquei algumas iscas na zona rural aqui em Araras/SP, nos lugares onde costumo pedalar nas horas vagas.
    Vocês têm conhecimento de algum Meliponário por aqui?
    Enquanto a isca não pega nada, plantei 5 mudas de amor agarradinho em casa e 2 pés de Ora pro Nobis.
    Abraço.

    • Juliano Begnami Rodrigues

      opa andre sou de araras sp…tenho um melipónario urbano …se quiser visitar sera um prazer

      • Andre Luiz Biaggio

        Ola, que bacana!!!
        Gostaria de conhecer sim.
        Por favor, entre no meu Facebook se você estiver disponível.
        Abraço e obrigado.

  • Eric Matheus Palermo

    Boa noite, gostei muito da materia, ja instalei duas iscas a aproximadamente duas semanas, uma em meu jardim e uma area totalmente coberta do sol, e outra no tronco de uma arvore de acerola a uns 200 metros de distancia, mas não obtive resultado algum, com isso, comecei a observar bem meu jardim de lavanda para ver se apareciam abelhas por la, e na verdade fiquei um pouco surpreso, avistei mamangabas, borboletas e até abelhas Apis, mas não cheguei a ver nenhum tipo de abelha sem ferrão ( fazia as observações no período da manha e do fim da tarde, hora que geralmente rego meu jardim de lavanda), oque me deixa um pouco preocupado, pois me lembro muito bem que na minha infância (tenho 22 anos atualmente) era comum ver abelhas jatais, e um especie que eu não conheço o nome mas que era totalmente preta, e um pouco menor que as tradicionais com ferrão, que costumava voar pela região.que me preocupa é a forma como essas abelhas vem sendo extintas na minha região (interlargos), uma pena, pois de que vale um jardim florido sem as tão graciosas abelhas .-. ?

    • Olá Eric, a isca é uma alternativa para a abelha enxamear, se estiver corretamente confeccionada e bem instalada a chance é grande de captura, se usar um bom atrativo as chances também aumentam pois ele potencializa a chance da abelha optar pela isca, entretanto não há um prazo médio para captura, são muitos fatores envolvidos, tem iscas que enxameiam com dias, outras depois de meses e há relatos de até depois de anos, um dos fatores é ter enxames na região que estejam se multiplicando que por sua vez ocorre principalmente na época de maior fartura de alimento, ou seja no começo e durante a primavera, e nós já estamos portanto no final da temporada, pode ocorrer mas a chance é menor, inclusive se capturar agora terá que fazer a transferência já próximo do inverno o que não é também muito recomendado se não tiver boa experiência e possibilidade de fornecer ao enxame cuidados especiais, bem como até em alguns casos alimentação artificial. Recomendo que continue pesquisando e estudando o assunto, instale mais iscas na próxima temporada, logo consegue uma captura. Grande abraço. Andre Matos

  • Jair

    Boa Tarde. Há cerca de dez dias uma caixa isca foi enxameada, ontem porém verifiquei que não havia mais abelhas entrando e saindo da caixa. Hoje resolvi abrir a caixa para ver o que estava acontecendo. Ao abrir encontrei todas as abelhas mortas, mas tinha uma especie de abelha ou mosca verde dentro e estava viva ainda, uma outra já estava morta, no dia anterior vi esta abelha voando entre as abelhas jataí, pude notar também que a saída estava fechada por dentro com cerra. Esta abelha verde é de tamanho pequeno bem menor que aquelas moscas verde. Você sabe me dizer que tipo de inseto é este. Pensei também para próximas caixas em vez de fazer um furo redondo fazer um tipo fenda. Será que ajuda este inseto não entrar. Obrigado